Acontecendo900 presos de Avaré e região realizam provas do Enem

Detentos estão inscritos para as avaliações que ocorrem terça e quarta; protocolos de saúde contra a pandemia serão seguidos
A Comarca22 de fevereiro de 2021245 min
https://www.jornalacomarca.com.br/wp-content/uploads/2021/02/Provas-para-os-reeducandos-serao-aplicadas-nos-dias-23-e-24-de-fevereiro.jpg

Nesta terça (23) e quarta-feira (24), 900 reclusos que cumprem pena em presídios de Avaré e região (veja quadro abaixo) farão o Exame Nacional do Ensino Médio para Pessoas Privadas de Liberdade (Enem PPL). Em todo o Estado, a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) conta com 12.778 homens e mulheres encarcerados inscritos para a realização das provas.

Somente em Avaré, 173 reeducandos das três unidades prisionais estão aptos para fazer o exame. Detentos que cumprem pena em presídios da região também farão a prova: Cerqueira César (158 nas duas unidades), Itatinga (84), Bernardino de Campos (74), Iaras (99), Itaí (235) e Taquarituba (77).

Os candidatos do Enem PPL também podem utilizar o desempenho como mecanismo único, alternativo ou complementar para o acesso à educação superior. O exame é aplicado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) e tem o mesmo grau de dificuldade do Enem tradicional.

PREPARAÇÃO 

Para treinar os candidatos inscritos no Enem PPL, a SAP proporcionou um cursinho preparatório. As aulas online começaram no dia 25 de janeiro e ocorrem até segunda-feira (22), véspera do exame, totalizando 160 horas de curso.

A medida é inédita e foi possível graças a uma parceria do Grupo de Capacitação, Aperfeiçoamento e Empregabilidade da Coordenadoria de Reintegração Social (CRSC) da Pasta com o Instituto Seb.

Atualmente, candidatos de 41 unidades prisionais do Estado participam das aulas. Algumas unidades tiveram de suspender o curso em razão de protocolos sanitários.

CUIDADOS COM A PANDEMIA 

Os colaboradores do Inep que devem atuar nos dias de aplicação dos exames receberão três máscaras sobressalentes para troca em horários específicos. Serão distribuídos frascos de álcool em gel para todas as salas, cujas janelas e portas deverão ficar abertas para facilitar a circulação do ar.

As mesas e cadeiras serão devidamente higienizadas, assim como banheiros e corredores de acesso. Será mantido o distanciamento social entre participantes em sala, na ida ao banheiro e antes da identificação.

Caso algum colaborador da equipe de aplicação de provas apresente sintomas da Covid-19 não poderá entrar na unidade prisional. A máscara é de uso obrigatório para todos, tanto colaborares quanto candidatos.

FONTE: ASSESSORIA DE IMPRENSA – Marcus Liborio – CRN

Crédito das fotos: Caio Daniel/Divulgação SAP

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *