CulturaDestaqueGestores da Cultura na região discutem implementação da Lei Paulo Gustavo

Em Avaré, os próprios artistas estão se mobilizando com encontros independentes sobre a Lei Paulo Gustavo
A Comarca17 de março de 20233 min
https://www.jornalacomarca.com.br/wp-content/uploads/2023/03/CULTURA.jpg

Na terça-feira, 14/03, representantes das pastas da Cultura das cidades de Botucatu, Bofete, Itatinga, Pardinho, Pratânia, São Manuel e Lençóis Paulista participaram de uma capacitação para implementar a Lei Paulo Gustavo nos municípios da região.

O encontro foi promovido pelo Instituto Jatobás e a capacitação foi dada pela agência avareense Arte em Prática – Assessoria para Artistas, por intermédio de Poliana Brasil. Com a participação do ator Odilon Esteves (o Firmino da novela Mar do Sertão, da Rede Globo) e do ICine – Fórum de Cinema do Interior Paulista – representado por Pedro Barroca, os gestores de cultura debateram as questões legais e as possibilidades de utilização dos recursos para a realidade da região.

A Lei Paulo Gustavo é uma lei emergencial para minimizar os impactos da pandemia no setor cultural e disponibilizará R$ 3,8 bilhões para Estados, Municípios e Distrito Federal. Os entes federados deverão ter acesso aos recursos logo após a regulamentação que está em andamento no Ministério da Cultura.

“Os recursos da Lei Paulo Gustavo vêm de fundos exclusivos da cultura que não foram utilizados durante o ano de 2021. O Município de Avaré poderá receber cerca de R$ 777 mil dos quais R$ 550 mil deverão ser destinados ao setor audiovisual e cerca de R$ 220 mil para as outras áreas da cultura. Em Avaré, os próprios artistas estão se mobilizando com encontros independentes sobre a Lei Paulo Gustavo para discutir as possibilidades no município”, destacou Poliana.

Poliana Brasil com o ator Odilon Esteves 

 

 

Comente

Seu endereço de e-mail não será publicado. Required fields are marked *