In OffIn Off Edição 1114

A Comarca1 de fevereiro de 20162364 min

in-off-jornal-a-comarca

Grana

Uma informação econômica passou meio despercebida no final do ano: devido à crise, setenta e cinco por cento dos municípios do Brasil não conseguiram pagar o décimo-terceiro salário a seus servidores. Mas Avaré, Arandu, Águas de Santa Bárbara e Iaras ficaram dentro dos vinte e cinco por cento que conseguiram quitar esse benefício. É boa notícia – e merece tal menção.

Contagem Regressiva 1

Em qualquer conversa em que dois políticos se encontrem, o tema é um só: sucessão municipal. Em Avaré, ainda é meio nebulosa a identidade dos futuros candidatos – sabe-se somente que Poio vai para a reeleição e que algum Silvestre deverá entrar na disputa. As segundas, terceiras, quartas e quintas vias (se houverem) ainda estão atrás da porta.

Acertando Ponteiros

Se Denilson se antecipou, e tentou se colocar como possível prefeiturável (hora diz que sim, hora diz que não) Ortega, em recente conversa com uma liderança de partido de relevância local, diz que vai chegar o momento dele se anunciar como pré-candidato. A conferir.

Palavra de Ordem

Uma coisa é importante: se Ortega quer se viabilizar, primeiramente, dentro de seu partido, ele precisa dar espaços condizentes com a importância de determinados membros. É regra de ouro na política: para somar, é preciso saber ouvir.

Romaria 1

Cumprindo agenda na Região, Fernando Cury deu uma passada em Avaré. Político de coalizão, em seu discurso lembrou do antigo boato infundado de que Avaré teria trocado uma faculdade por uma penitenciária, e disse que o mais importante é centrar forças em buscar novos benefícios. Está certo.

Romaria 2

Em Cerqueira César, Fernando Cury mostrou seu prestígio reunindo bom público na Câmara de Vereadores, e sendo recebido por Adenilson “Tio D”. Já em Águas de Santa Bárbara Chico Sargento recepcionou o parlamentar que, depois de participar de reunião na Câmara, foi bater um papo com seu conterrâneo, o monsenhor Edmilson José Zanin.

Alternativa

Mudança à vista em Arandu: o presidente da Câmara Djalma Rodrigues está muito próximo de se filiar ao PR, fortalecendo ainda mais a legenda. Ele pretende deixar o DEM que, depois de uma intervenção externa, perdeu a identidade com vários de seus partidários.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *