AcontecendoPolíticaVereadores aprovam moção pelo não fechamento do Instituto Florestal

Governo do Estado quer extinguir várias autarquias, como o Instituto Florestal, que administra hortos como o de Avaré, que atualmente está municipalizado
A Comarca2 de setembro de 2020532 min
https://www.jornalacomarca.com.br/wp-content/uploads/2020/09/avare-sp-completa-158-anos-neste-domingo-15-.jpg

A Câmara Municipal de Avaré aprovou na sessão ordinária de segunda-feira, 31, Moção de Apelo ao Governo do Estado de São Paulo para que retire do projeto de lei que estabelece medidas para corte de gastos, o artigo que extingue o Instituto Florestal. De acordo com a proposta do governador João Doria, o órgão será unificado a outros dois institutos, o de Botânica e Geológico.

Em Avaré a proposta está sendo vista como negativa, assim como em outras localidades onde vereadores apresentaram propostas que serviram de exemplos ao vereador Ernesto Ferreira de Albuquerque (PT). O parlamentar apresentou Moção de Apelo que foi aprovada por unanimidade

Por outro lado, técnicos do Instituto Florestal, ambientalistas e acadêmicos denunciam desmonte ambiental e de outros serviços. Para eles, “a proposta do Governo não tem embasamento técnico, não causará economia de recursos e dissociará a pesquisa da gestão das áreas”.

Em informações encaminhadas à imprensa, funcionários do IF sustentam que a Instituição foi inserida em um PL que trata de entidades descentralizadas da administração indireta e de medidas necessárias ao ajuste fiscal, o que não se aplica ao IF.

FOTO ACIMA: REPRODUÇÃO TV TEM

LEIA MAIS NA EDIÇÃO IMPRESSA DESTA SEMANA DO JORNAL A COMARCA QUE CIRCULA NA SEXTA-FEIRA, 04/09

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *