AcontecendoDaesp reitera que pedido de municipalização do aeroporto partiu da Prefeitura de Avaré

Daesp reitera que pedido de municipalização do aeroporto partiu da Prefeitura de Avaré Polêmica pode envolver até mesmo o Executivo e o Legislativo de Arandu, já que o aeródromo leva o nome das duas cidades pelo fato de estar localizado na divisa territorial Da Redação A sessão ordinária da próxima segunda-feira (19) promete ser bastante polêmica, com vários assuntos que interessam à opinião pública, dentre eles o projeto de lei 08/2018, do prefeito Jô Silvestre,...
Avatar A Comarca20 de fevereiro de 20181684 min

Daesp reitera que pedido de municipalização do aeroporto partiu da Prefeitura de Avaré

Polêmica pode envolver até mesmo o Executivo e o Legislativo de Arandu, já que o aeródromo leva o nome das duas cidades pelo fato de estar localizado na divisa territorial

Da Redação

A sessão ordinária da próxima segunda-feira (19) promete ser bastante polêmica, com vários assuntos que interessam à opinião pública, dentre eles o projeto de lei 08/2018, do prefeito Jô Silvestre, que autoriza celebração de convênio para a municipalização do Aeroporto Estadual Comandante Luiz Gonzaga Lutti.

O Jornal A Comarca abordou a questão com exclusividade no mês de dezembro, trazendo à tona um assunto que até então não era do conhecimento da Câmara. Na época, a prefeitura se manifestou dizendo que o pedido de municipalização havia partido do governo do Estado, mas essa informação foi frustrada pelo Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo (Daesp) que enviou nota dizendo que o pedido partiu do Executivo avareense, nota essa reiterada recentemente pelo mesmo órgão governamental.

IMPASSE – Na época da construção do aeroporto, uma polêmica envolveu a obra pelo fato de parte do terreno desapropriado pela Prefeitura de Avaré se situar exatamente na divisa com a cidade de Arandu. O prefeito aranduense na época, Joselyr Benedito Silvestre, no ano de 1985, embargou a obra sob a alegação de que parte da pista do aeroporto (que engloba o terminal de passageiros) estaria nos limites da sua cidade. O impasse durou até a inauguração da obra, em 1990, quando o Daesp definiu a denominação “Aeroporto Estadual Avaré-Arandu”. Anos mais tarde, em 1997, o aeroporto finalmente ganhou o nome de Aeroporto Estadual “Comandante Luiz Gonzaga Lutti”, através da Lei 9.563/97, de autoria do então deputado estadual Dimas Ramalho.

DISCUSSÃO – Corre nos bastidores da Câmara Municipal de Avaré, que o projeto de lei que permite a municipalização do aeroporto deverá ser intensamente discutido pelos vereadores de oposição. O projeto está apontado para a próxima sessão ordinária, na segunda-feira, 19, e muitos serão os questionamentos sobre a viabilidade da municipalização. Há quem diga que a pressa por parte da Prefeitura na aprovação do projeto, seria por causa da suposta existência de empreendedores interessados na administração do aeroporto, por isso o interesse da Câmara em apurar quais seriam as vantagens e desvantagens para o município.

Quer falar com a gente?

Avenida Gilberto Filgueiras, 1402
Avaré / SP - CEP. 18706-240

E-mails:
j.acomarca@gmail.com
comercial@jornalacomarca.com.br

14 3733.2023 / 3733.2633

Redes Sociais

Assine já! 14 3733 2023

Jornal A Comarca, 2020 © Todos os direitos reservados