AcontecendoPolíticaJustiça Eleitoral de Avaré indefere pelo menos 50 candidatos a vereador

Um partido inteiro, o Solidariedade, até a tarde de quinta-feira (15) estava com todos os candidatos indeferidos
A Comarca15 de outubro de 2020713 min
https://www.jornalacomarca.com.br/wp-content/uploads/2020/10/Eleicoes-2020-a.jpeg

As Eleições Municipais 2020 deverão ser uma das mais polêmicas dos últimos tempos em Avaré, já que muitos candidatos a vereador estão enfrentando problemas com o registro de suas candidaturas. Até a tarde desta quinta-feira, 15, pelo menos 50 candidatos estavam com suas candidaturas indeferidas pela Justiça Eleitoral, a maioria concentrada em apenas quatro partidos.

No levantamento feito pela equipe do Jornal A Comarca junto ao site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), através do DivulgaCand, do total de 238 candidatos inscritos para concorrer ao cargo de vereador em Avaré 137 tiveram suas candidaturas deferidas pela Justiça Eleitoral e estão aptos a concorrer nas eleições sem problemas.

O restante, 50 candidatos foram indeferidos e 51 estão aguardando julgamento por parte da Justiça Eleitoral. O partido que mais teve indeferimento foi o Solidariedade, que até a tarde desta quinta-feira (15) estava com todos os candidatos indeferidos, seguido do PSD com 10 candidatos indeferidos e o Cidadania, com seis. O Republicanos estava com quatro candidaturas indeferidas.

Por outro lado, o partido Podemos, que concorre com chapa pura, foi o único que teve todas as candidaturas deferidas pela Justiça Eleitoral, sendo prefeito e vice e 16 candidatos a vereador.

PREFEITO E VICE – Com relação aos candidatos a cargos majoritários em Avaré, prefeito e vice, a maioria está com a candidatura deferida pela Justiça Eleitoral. Denílson Ziroldo e Erica Alves, Cris Chaddad e Paulinho Pantheon, Jô Silvestre e Bruna e Teresa Fonseca e Emilly estão com suas candidaturas deferidas.

Já as duplas Bombeiro Monteiro e Toninho da Lorsa e Professor Sebastião e Antonio Marcos, até a tarde desta quinta-feira (15) aguardavam julgamento da Justiça Eleitoral.

LEIA MAIS NA EDIÇÃO IMPRESSA DO JORNAL A COMARCA QUE CIRCULA NESTA SEXTA-FEIRA, DIA 16

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *