GeralPolíticaOrçamento estimado para 2021 em Avaré é maior que o da cidade de Botucatu

Projeto da peça orçamentária de R$ 427,6 milhões será votado na segunda-feira, dia 30
A Comarca28 de novembro de 2020733 min
https://www.jornalacomarca.com.br/wp-content/uploads/2020/11/Avare-orcamento.jpg

A última sessão ordinária da atual Legislatura, marcada para segunda-feira, dia 30, terá na pauta o projeto de lei do prefeito Jô Silvestre que fixa as despesas da Prefeitura de Avaré para o exercício de 2021. São R$ 427,6 milhões, ou seja, R$ 20 milhões a mais do que a peça orçamentária fixada para 2020. É também maior que o orçamento da cidade de Botucatu, fixado em R$ 422,8 milhões.

Para o exercício de 2021 a peça orçamentária de Avaré apresenta aumentos nas despesas de algumas secretarias, da Câmara Municipal e do Instituto Avareprev. Segundo consta, foram feitos remanejamentos de valores de alguns setores para outros, aumentando estimativas, por exemplo, em secretarias como da Educação, que para 2021 terá R$ 5 milhões a mais que em 2020 (de R$ 102 milhões para R$ 107,2 milhões). Já o setor de Saúde teve uma redução de meio milhão de reais, caindo de R$ 96,7 milhões em 2020 para R$ 96,2 milhões em 2021.

Outras secretarias que tiveram fixação de despesas aumentadas foram: Assistência e Desenvolvimento Social (Semads), que passou de R$ 17 milhões para R$ 18,2 milhões; Administração (de R$ 14,1 para R$ 19 milhões, um aumento significativo de R$ 5 milhões); e Obras (de 54, 5 milhões para 61,5 milhões, outro aumento significativo, este de R$ 7 milhões.

AUTARQUIAS – A Fundação Regional Educacional de Avaré (FREA) teve fixada a mesma despesa de 2020, ou seja, ficou em R$ 14,1 milhões. Por outro lado, o Instituto Avareprev contará com mais de R$ 2,2 milhões para as despesas em 2021, saltando dos atuais R$ 44 milhões para R$ 46,2 milhões.

CÂMARA – E finalmente o Poder Legislativo, representado pela Câmara de Vereadores, terá um repasse maior da Prefeitura para 2021 de R$ 700 mil, saltando de R$ 6 milhões para R$ 6,7 milhões, montante que é repassado mensalmente à câmara através do chamado duodécimo.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *